Campanha cadastra 800 doadores de medula óssea em Bragança Paulista

O último sábado (13/07), foi de mobilização para cadastro de doadores em Bragança Paulista. A ação contou com a iniciativa Projeto VOAHNAT,coordenador Marinho Faralhi, Centro de Hematologia e Hemoterapia – Hemocentro da Unicamp e apoio da Secretaria Municipal de Saúde, Tiro de Guerra 02-009,Lions Clube, Escola Nova Biotec, Padre Marcelo (Paróquia Nossa Senhora da Conceição, Sé Catedral) e voluntários.

De acordo com os organizadores, 800 pessoas se cadastraram durante o mutirão, 402 pessoas doaram sangue, além de haver muitas atualizações de cadastro.

A atividade ocorre de acordo com a Lei Municipal N° 4641,de 23 de outubro de 2018, que institui a Semana de Incentivo à Doação de Órgãos,Tecidos e Medula Óssea.

Segundo o Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea – REDOME, o Brasil possui o cadastro de 4.895.590 pessoas, sendo 850 a média de pacientes em busca de doador não aparentado. Para ajudar e fazer parte do cadastro é preciso ter entre 18 a 55 anos, estar em bom estado geral de saúde e não ter doença infecciosa transmissível pelo sangue e procurar o hemocentro mais próximo.